Editores da série MOC: Antonio Carlos Buzaid - Fernando Cotait Maluf - William Nassib William Jr. - Carlos H. Barrios

Editor-convidado: Caio Max S. Rocha Lima

Vídeo-MOC

VOLUME 10 ● NÚMERO 12

RAMUCIRUMABE NO HEPATOCARCINOMA

O hepatocarcinoma (HCC) é atualmente o sexto câncer mais comum e a quarta causa de morte por câncer no mundo.  Nas últimas décadas, pouco se viu em termos de avanço nos tratamentos e na melhora do índice de mortalidade. No entanto, nos últimos 3 anos, novas medicações têm sido indicadas tanto na primeira quanto na segunda linha. Frente a esse cenário, dúvidas vêm surgindo entre os profissionais envolvidos no tratamento do HCC, dentre elas se é possível definir um melhor sequenciamento.

Sabendo disso, o MOC criou este Vídeo-MOC exclusivo, com apresentação do Dr. Ricardo Carvalho e moderação do Dr. Fábio Kater, autores do MOC, para colocar em perspectiva os dados dos trabalhos de maior relevância que vêm sendo desenvolvidos nessa área.

A apresentação é iniciada com uma importante contextualização sobre o cenário mundial do hepatocarcinoma, com destaque para dados epidemiológicos, passando pela a importância do prognóstico Child-Pugh, que avalia a função hepática em pacientes cirróticos e classifica-os em estádios.

Depois, Dr. Ricardo Carvalho faz uma ampla e profunda revisão sobre as opções de terapias sistêmicas para o manejo do HCC na primeira e segunda linha, passando também pelas opções de imunoterapia. Na primeira linha, os trabalhos comentados (SHARP e REFLECT) avaliaram, respectivamente, sorafenibe versus placebo e lenvatinibe versus sorafenibe. Na segunda linha, os estudos destacados (RESORCE, CELESTIAL e REACH2) analisaram regorafenibe versus placebo, cabozantinibe versus placebo e ramucirumabe versus placebo, respectivamente. Com relação à imunoterapia, os trabalhos comentados (CHECKMATE-040 e KEYNOTE-240) observaram, respectivamente, nivolumabe (braço único) e pembrolizumabe versus placebo.

Após apresentação dos estudos bem como de seus resultados e impactos na prática clínica, ocorre, por fim, uma discussão com foco no panorama atual de tratamentos aprovados em cenário nacional e internacional, além de uma reflexão sobre o papel da imunoterapia e também uma breve explanação sobre as perspectivas no contexto do HCC.

Apoio:

Lilly_onco_cmyk

Continue sua leitura

Mais informações e estudos no MOC Tumores Sólidos

Acessar MOC

Seja o primeiro a saber das novidades, cursos e novos manuais que serão lançados.

Cadastre-se abaixo para ter acesso:

Seu e-mail
Sua área de atuação

Sobre quais áreas você tem interesse de receber conteúdos?