Editores da série MOC: Antonio Carlos Buzaid - Fernando Cotait Maluf - William Nassib William Jr. - Carlos H. Barrios

Editor-convidado: Caio Max S. Rocha Lima

Notícias

Novo inibidor de MET é aprovado para o tratamento do câncer de pulmão avançado no Brasil

A ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou, em 28 de junho de 2021, o uso do inibidor de MET tepotinibe para o tratamento de pacientes com câncer de pulmão de células não pequenas portadores de mutação do tipo skipping no éxon 14 do gene MET.

A eficácia e segurança do tratamento foram demonstradas no estudo de fase II VISION, que avaliou em 152 pacientes portadores de câncer de pulmão de células não pequenas avançado ou metastático com METex14 o tratamento com tepotinibe 500 mg via oral diariamente até progressão de doença ou toxicidade limitante.

A taxa de resposta avaliada pelo comitê revisor independente, objetivo principal do estudo, foi de 46%, com duração mediana no benefício de 11,1 meses. A eficácia foi semelhante entre os pacientes com mutações detectadas via biópsia tecidual e biópsia líquida (48% e 50%, respectivamente). As medianas de sobrevida livre de progressão e sobrevida global foram 8,5 e 17,1 meses, respectivamente. Destaca-se que dentre os 11 pacientes com metástases cerebrais, a taxa de resposta avaliada pelo comitê independente foi de 55%, com duração mediana de resposta de 9,5 meses. Nas avaliações de segurança, os eventos adversos de graus ≥ 3 ocorreram em 28% dos pacientes tratados com tepotinibe, sendo mais frequentes o edema periférico, náuseas, diarreia, elevação de creatinina e hipoalbuminemia.

Por Dr. Daniel Vargas P. de Almeida

Continue sua leitura

Mais informações e estudos no MOC Tumores Sólidos

Acessar MOC

Seja o primeiro a saber das novidades, cursos e novos manuais que serão lançados.

Cadastre-se abaixo para ter acesso:

Seu e-mail
Sua área de atuação

Sobre quais áreas você tem interesse de receber conteúdos?